quinta-feira, 3 de março de 2011

Quem diz que o pão integral de forma é saudavel? Ultima Parte

Realmente peço desculpas por ter demorado em escrever este artigo..achou que realmente não era o momento...porque tudo tem seu momento na vida..mais agora sim, vamos lá.

Antes de passar a falar de algumas receitas de pães tradicionais, tanto da nossa cultura como de outras culturas, queria passar algumas dicas e informação dos ingredientes que os pães contem actualmente...para que não se deixem enganar pela Industria, porque muitos pães "integrais de forma" dizem no rótulo que é natural e sem conservante..mais isso é o de menos, porque eles colocam "outras" coisas em vez disso.


DIGAMOS "NÃO" Á SABOTAGEM CONTRA O CONSUMIDOR
aprendendo a ler os rótulos:


Lista de ingredientes que normalmente estão no pão light, integral, ou 100% integral:

- Fibra alimentar: muitas vezes são gomas hidrolizadas ou que passaram por algum processo químico. Tem vantagens e desvantagens. As mais conhecidas e usadas na panificação são: goma guar, goma xanthan, celulosa micro cristalina, celulosa, entre outras. Elas absorvem maior quantidade de agua fazendo que o pão fique mais leve e suave (textura extra suave que está na moda). Na verdade estão vendendo mais ar do que farinha.


- Gluten: proteína do trigo. O pão por natureza não precisa desse ingrediente porque já a farinha o tem, mais como geralmente usam farinhas com baixo gluten o qualidades inferiores y de preço barato, eles adicionam o gluten, criando um desbalançe na formulação e no organismo


- Conservador propionato de cálcio: conservante químico, pode dar alergias ou cefáleas.]


- Emulsificantes estearoil-2-lactil lactato de cálcio, polisorbato 80: Produtos químicos, fiquem muito atentos aos emulsificantes. Eles retardam o processo de digestão, e está em quase a maioria dos produtos alimentários.


- Edulcorante ou adoçante artificial: Acesulfame k ou sucralose (splenda) - Adoçante artificial que o corpo não metaboliza e não ENTENDE (Por favor, não vamos enganar mais nosso corpo com estes truques, o açúcar adoça e tem calorias e ponto final, não precisamos de mentiras para nosso corpo, já temos suficiente com as que a industria nos faz)


- Aroma idêntico ao natural: esta é um dos piores enganos que a Industria faz...eles colocam idêntico ao natural, não porque seja natural, senão porque o sabor é igual ao natural, mais é totalmente feito no laboratório, ou seja artificial. O correto seria declarar como "Aroma artificial idêntico ao natural". CUIDADO com todos os alimentos que vejam esse nome...lembrem que é sempre artificial!

Bom isso é um pequeno resume dos ingredientes principais que tem um "pão" na industria...por isso..e bem melhor você mesmo fazer seu pão, alem de ser livre de químicos, lhe trará alegria e paz, porque saiu da suas mãos com carinho e energias boas.

Então agora sim, depois deste esclarecimento que fiquei devendo, vamos as receitinhas:

Receita de pão integral tradicional:

1 colher (de chá) de fermento de padaria
- ½ litro de água morna
- 1 kg de farinha de trigo integral
- 2 colheres (de sopa) de açúcar mascavo (opcional)
- 1 ou 2 colheres (de sopa) de óleo
- 1 colher (de sobremesa) de sal
- 1 colher (de chá) de lecitina de soja, linhaça ou orégano (opcionais)
- erva-doce, uva-passa, castanha-do-pará, gergelim (opcionais)
Primeira Etapa:
Coloque num recipiente o fermento de padaria, a água morna, 300g de farinha de trigo integral e o açúcar mascavo. Misture tudo e cubra com um pano grosso. Deixe descansar por, pelo menos, duas horas.
Segunda Etapa:
Acrescente o óleo e o sal. Depois, pode-se acrescentar lecitina de soja, linhaça, orégano ou gergelim. Enquanto mistura, vá colocando aos poucos mais 700g de farinha de trigo integral. Coloque a massa sobre uma mesa e amasse até que ela fique lisa e macia e não grude nas mãos. Enrole os pães e coloque-os nas formas previamente untadas.
Deixe crescer por uma hora ou mais. Asse em forno quente durante 50 minutos.
Fonte: http://www.saudeintegral.com/ (eles não tem muita receita, mais as que tem são muito boas)

Esta é sem glutem, para quem tem o problema celiaco, e tem amendoim..é toda uma surpresa:

Pão de amendoim:

Ingredientes:

- 2 batatas médias
- 1 xícara de chá de amendoim cru
- 1 xícara de chá de polvilho azedo
- 2 xícaras de chá de polvilho doce
- 1/2 xícara de chá de óleo (usei de girassol)
- 1 colher de sopa de fermento químico (aquele pra bolo)
- 1 colher de sobremesa bem cheia de sal- 3/4 de xícara de chá de água

Preparação:
Cozinhar as batatas e amassar.Torrar o amendoim e bater no liquidificador.
* Pra torrar o amendoim tem duas maneiras:
- Colocar numa panela, levar ao fogo baixo e ir mexendo sem parar até a casca vermelha começar a trincar e ficar bem escura.
- Colocar na forma sem untar e levar ao forno em temperatura média até a casca vermelha começar a trincar e ficar bem escura.
Junte todos os ingredientes.
Faça as bolinhas, coloque em assadeira untada e leve para assar em temperatura alta.Rendeu 20 bolinhas de 5 cm de diâmetro.Levante o pãozinho e quando estiver dourado o fundo está pronto.


Pão chapati (tradicional da Índia sem fermento)

A receita do pão chapati se encontra muito bem explicada nesta página , onde sempre encontro algumas receitinhas gostosas:





Pão Ázimo (Israel)

Ingredientes:
- 500g de farinha de trigo
- Água na temperatura ambiente
- 01 colher de sopa de açúcar- 01 colher de sopa rasa de sal
- 01 xícara pequena de azeite ou óleo

Preparo:
Misture a farinha com todos os ingredientes. Ponha agua aos poucos e sove até obter uma massa homogénea.Coloque a massa num saco plástico e deixe-a descansar durante 15 minutos. Retire pequenas porções da massa e estique com um rolo até que ela fique bem fininha, quase transparente.Mantenha a massa restante fechada no saco plástico para não ressecar.Pegue a massa esticada com a almofada que acompanha forma e, segurando as laterais, estique novamente amassa para que ela fique arredondada. Ainda com a ajudada almofada, coloque a massa na chapa aquecida. Com um garfo, faça bastante furinhos na massa para que não faça bolha. Use fogo baixo. Vire a massa várias vezes até que ela atinja o ponto desejado. O Pão Ázimo somente gruda na chapa se ela estiver muito quente. Deixe as beiras do pão tão fina quanto o restante da massa para que o pão não encolha e saia com um bom diâmetro.
Diâmetro: cerca de 20 cm Rendimento: 15 unidades
Fonte: Cybercook


Então estou apresentando 4 variedades de receitas que espero consigam fazer..eu já fiz o pão ázimo e o chapati e não tem segredo, e só seguir as instrução direitinho e a intuição também :o)

Em caso não tiver tempinho para fazer pão, não se preocupe que tem algumas opções interessantes no mercado, e aqui vem alguns lugares onde com certeza poderá comprar pão de verdade, com qualidade, alguns são orgânicos, e com gostinho caseiro:

- MASSERIA : http://www.masserialorenzo.com.br/ Os donos são gente muito agradáveis e profissionais.....e demonstram mais uma vez que ainda existe gente que quer fazer as coisas certas... :o)


-PAO http://www.padariaartesanal.org/ Outro legal muito bom..e até tem Panettone orgánico na época de natal....fresquinho e gostosisimo..vale a pena dar uma passadinha.


-PÃO DO CEU: http://www.paoorganico.com.br/index.html Produtos orgánicos que também pode achar na feira da agua branca.

Bom estes três lugares são os que recomendo e conheço...tem mais lugares mais não conheço...assim que melhor ir pelo caminho certo.

Espero que seja de muito proveito esta informação...e lembrem, não se deixem enganar..ESCUTE seu corpo..ele não precisa de coisas anti naturais...não fui mos criados para isso... para fazer do alimento nossa ruína, mais sim nossa medicina como dizia o grande médico Hipócrates.
Um excelente Carnaval!
Namastê!

2 comentários:

  1. tu nao sabe das coisa fica parpitanu

    ResponderExcluir
  2. Muito bom!!!
    Obrigado pelas dicas e receitas.
    Realmente todos deveriam saber sobre as substâncias que utilizam em nossos alimentos. Como o caramelo IV, glutamato monossódico, goma xantana, tartrazina, entre tantos outros, assim como os agrotóxicos, muitos até proibido. Se todos deixassem de consumir iria tanto baratear os produtos, como os hospitais estariam mais vazios.

    ResponderExcluir